Pesquisar

sexta-feira, 2 de novembro de 2007

Falando em música.

Falando de novo em música. Eu estava pensando: " Quem precisa de mais um clipe de HipHop?"
Fico vendo aqueles clipes e são todos iguais. Carro, dinheiro, jóias, roupas caras e mulheres, muitas mulheres. E comecei a pensar em como nem de longe estes clipes lembram o princípio do movimento de ser "A Voz do Gueto". Mais uma vez, o que vemos é a comercialização de um movimento quebrando sua autenticidade. Os clipes de Hip Hop já fazem parte dos elementos usados pela massificação. Consumo é a única coisa que pregam. São tã idênticos entre si, que até sugiro o seguinte: Faz-se um clipe padrão. Tipo um pano de fundo e edita-se ele para encaixar no tempo da música a ser tocada nele. E todos os artistas gravariam por cima desta mesma base... o custo com certeza seria menor.
Outra coisa que penso é: e aqle garoto do gueto que não tem oportunidade e vê o rapper cantar que não tem nada demais ele ir atras do que quer nem que seja com um 38? O que acontece com esse garoto? Quem vai produzir o clipe dele?